Arie Halpern: NFTs vêm se tornando populares no mercado de coleção de obras de arte

    0

    18/3/2021 – Um token não fungível (NFT) é um tipo de token criptográfico que representa algo único.

    A nova onda do blockchain e das criptomoedas.

    Um token não fungível (NFT) é um tipo de token criptográfico que representa algo único. Em outras palavras, não pode ser trocado. Eles são representações digitais de qualquer coisa que é única, exclusiva e vêm sendo usados principalmente na arte digital.

    Os tokens não fungíveis (NFTs) ganharam notoriedade e são a nova onda no segmento de blockchain e criptomoedas. Podem ser usados em diversas aplicações, que vão desde a venda de obras de arte famosas, colecionáveis ou, um “tuíte”.

    Isso mesmo, o fundador do Twitter, Jack Dorsey, criou um NFT de seu primeiro tweet. A mensagem que ele postou em 21 de março de 2006 diz apenas “configurando meu ‘twttr’” (“just setting up my twttr”). Simples assim, mas com valor histórico. E que agora pode ser comprado. Não o tweet propriamente dito, mas um certificado digital dele e único, porque foi assinado e verificado por seu criador.

    Mas o que é mesmo um token não fungível ou NFT?

    Não fungível significa que é único e insubstituível. O bitcoin, por exemplo, é fungível. Ou seja, pode ser trocado por outro bitcoin, um ativo do mesmo valor. O primeiro tweet, uma obra de arte ou uma figurinha colecionável única, têm valores e características diferentes de qualquer outro, por isso não são fungíveis. Os tokens não fungíveis são representações digitais de qualquer coisa digital única.

    Da mesma forma que tokens e criptomoedas, eles são parte de uma blockchain, como a Ethereum ou qualquer outra. Mas carregam informações diferentes, que fazem com que eles funcionem diferentemente de um token como o ETH. Cada NFT contém ID de proprietário, metadados ricos, links de arquivos seguros e outras informações de identificação que são registradas em seu contrato inteligente. Informações vitais que tornam cada NFT único e imutável

    Para além do universo digital
    Há diversos usos para os NFT. Mas eles vêm se tornando populares no mercado de coleção de obras de arte ou artes digitais, que podem ser uma gravura, um vídeo ou uma música. Eles são a certificação de que aquele item é o original, mesmo que ele esteja disponível e possa ser acessado por qualquer pessoa. Somente quem comprar aquele ETF detém o original e pode vendê-la por milhares de reais se quiser.

    Assim, o artista que vende sua obra de arte digital, como o primeiro e único tweet, pode receber um percentual toda vez que aquele NFT mudar de mãos. Para os colecionadores de obras de arte, os NFTs funcionam como qualquer ativo que pode render lucro em uma eventual venda no futuro.

    Eles podem ser usados em qualquer outro segmento. E vêm fazendo sucesso também no mercado de jogos. Com milhões de usuários, eles representam um potencial enorme de transações de itens raros com preços definidos em criptomoedas. E já há quem venha avaliando usá-los em esportes fora do ambiente virtual.

    Website: http://www.ariehalpern.com.br/ja-ouviu-falar-em-nft/