6/5/2021 –

Iniciativa do Projeto Paradiso, mantido pelo Instituto Olga Rabinovich, realizou 50 ações ao longo de 12 meses; agora, terá novo ciclo de debates e oficinas com talentos do setor

O Paradiso Multiplica, iniciativa do Projeto Paradiso que visa à democratização do conhecimento audiovisual no país, celebrou seu primeiro aniversário no mês de abril. E, para comemorar, anuncia três novas atividades que ampliarão ainda mais o seu alcance.

Essas ações terão início já no dia 5 maio, com a mesa online e gratuita Diversidade no Audiovisual. O evento marca a volta do ciclo de aulas e debates realizado em parceria com a Spcine, órgão paulistano de fomento ao audiovisual. Ele será mediado por Lyara Oliveira, diretora de Inovação e Políticas do Audiovisual da Spcine, e reunirá as roteiristas Ana Júlia Travia, Bárbara Cunha e o roteirista e montador Will Domingos, todos integrantes da Rede Paradiso de Talentos. O evento será transmitido ao vivo na página da Spcine no Facebook.

A programação segue com o Esquenta Prêmio Cabíria, no dia 14, que terá a participação da roteirista Ana do Carmo, vencedora da categoria Roteiro na edição de 2020 do festival Cabíria. Em um painel virtual – e gratuito – sobre formatação e aplicação de projetos em laboratórios e eventos, ela compartilhará dicas e exemplos práticos com o público. Com transmissão no Canal da Cabíria no YouTube, às 16h.

Além disso, o roteirista Pedro Coutinho, integrante da Rede Paradiso de Talentos, oferecerá uma oficina para 10 jovens profissionais da área, compartilhando técnicas de escrita, desenvolvimento de narrativa e de personagens. Os alunos serão selecionados por meio de parcerias com quatro instituições: Griot – Festival de Cinema Negro Contemporâneo, NordesteLAB, Instituto Querô e Pró-Capão, alcançando profissionais do Nordeste, Sudeste e Sul.

Mantido pelo Instituto Olga Rabinovich, o Projeto Paradiso investe na formação de profissionais do setor com programas de bolsas, mentorias, cursos, seminários e estudos, além de incentivar o desenvolvimento de projetos do audiovisual brasileiro. A iniciativa, focada na internacionalização, atua por meio de parcerias com instituições de referência no Brasil e no mundo, criando oportunidades para profissionais em diferentes fases da carreira.

Em contrapartida, os bolsistas passam a integrar a Rede Paradiso de Talentos, e se comprometem a dedicar parte do seu tempo para compartilhar o conhecimento adquirido. Com a participação deles, o Paradiso Multiplica oferece masterclasses, consultorias e mentorias, entre outras atividades, realizadas junto de instituições do setor.

A ação já envolveu 28 integrantes da rede em 50 iniciativas – ao todo, foram 154 horas dedicadas pelos talentos neste primeiro ano. E, para aumentar o acesso ao material produzido, foi criado o Canal Paradiso , em que é possível acessar todas as edições anteriores.

“Nosso objetivo é ampliar ao máximo o acesso ao ensino e conteúdo de qualidade que os bolsistas têm a oportunidade de experimentar. O objetivo final do Paradiso Multiplica é esse: democratizar o conhecimento.”, afirma Josephine Bourgois, diretora executiva do Projeto Paradiso.

O Paradiso Multiplica teve início em 29 de abril de 2020, com a masterclass da cineasta e roteirista Nina Kopko. Formada em Cinema, Kopko foi diretora-assistente dos longas “A Vida Invisível”, de Karim Aïnouz – vencedor da mostra Um Certo Olhar, no Festival de Cannes 2019 – e de “O Silêncio do Céu”, de Marco Dutra.

Ao longo deste primeiro ano, a iniciativa também promoveu, em parceria com a Spcine, mentorias direcionadas a projetos selecionados pelo edital de Longas-Metragens de Baixo-Orçamento.

Website: http://www.projetoparadiso.org.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui