Instagram anuncia novos recursos para criadores de conteúdo

Adam Mosseri, chefe do Instagram, anunciou alguns novos recursos focados em criadores de conteúdo.

Os novos recursos chegam para incentivar a criação de conteúdo original e impedir que os usuários apenas repostem videos do TikTok, algo muito comum de se ver no Instagram. 

Em um vídeo no Twitter, Adam Mosseri, detalhou três novos recursos que estão chegando ao Instagram para aumentar o engajamento por meio de tags e uma mudança no ranking que coloca a “originalidade” em primeiro lugar. 

A mudança de classificação em si fala muito sobre o conteúdo que o Instagram vê como valioso. 

“Se você cria algo do zero, deve receber mais crédito do que se estiver compartilhando novamente algo que encontrou de outra pessoa. Faremos mais para tentar valorizar mais o conteúdo original, principalmente em comparação com o conteúdo repostado”, afirmou Mosseri. 

Juntamente com a mudança no ranking de conteúdo, Mosseri também afirmou que a rede social de propriedade da Meta está lançando novas ferramentas de tags para produtos e usuários, permitindo que qualquer usuário conecte uma marca na plataforma em uma de suas postagens. 

O Instagram também está lançando a capacidade de os usuários se identificarem com categorias, permitindo que você represente melhor o que faz online ou pelo que deseja ser conhecido. Ao acessar seu perfil e editar o perfil, os usuários agora devem ver uma categoria que podem atribuir a si mesmos, como fotógrafo, rapper ou estilista de moda.

Adam Mosseri, chefe do Instagram, anunciou alguns novos recursos focados em criadores de conteúdo.

Os novos recursos chegam para incentivar a criação de conteúdo original e impedir que os usuários apenas repostem videos do TikTok, algo muito comum de se ver no Instagram. 

Em um vídeo no Twitter, Adam Mosseri, detalhou três novos recursos que estão chegando ao Instagram para aumentar o engajamento por meio de tags e uma mudança no ranking que coloca a “originalidade” em primeiro lugar. 

A mudança de classificação em si fala muito sobre o conteúdo que o Instagram vê como valioso. 

“Se você cria algo do zero, deve receber mais crédito do que se estiver compartilhando novamente algo que encontrou de outra pessoa. Faremos mais para tentar valorizar mais o conteúdo original, principalmente em comparação com o conteúdo repostado”, afirmou Mosseri. 

Juntamente com a mudança no ranking de conteúdo, Mosseri também afirmou que a rede social de propriedade da Meta está lançando novas ferramentas de tags para produtos e usuários, permitindo que qualquer usuário conecte uma marca na plataforma em uma de suas postagens. 

O Instagram também está lançando a capacidade de os usuários se identificarem com categorias, permitindo que você represente melhor o que faz online ou pelo que deseja ser conhecido. Ao acessar seu perfil e editar o perfil, os usuários agora devem ver uma categoria que podem atribuir a si mesmos, como fotógrafo, rapper ou estilista de moda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

VEJA TAMBÉM